Coronavírus: Brasil teria alimentos por 4 anos se portos paralisassem atividades

27/03/2020

Coronavírus: Brasil teria alimentos por 4 anos se portos paralisassem atividades

Para o comentarista do Canal Rural, Glauber Silveira, o setor de agronegócio brasileiro possui alta capacidade instalada para evitar o desabastecimento em casos como a atual pandemia de coronavírus (COVID-19).

Segundo Silveira, se os portos brasileiros paralisassem suas atividades, o país ainda teria alimentos para abastecer a população por 4 anos.

“Veja a importância daquilo que já está colhido, temos milho, uma soja estocada, safra para ser retirada”, comenta.

Na opinião do comentarista, esta realidade pode mudar positivamente a percepção da população com relação ao setor, gerando maior visibilidade e destacando a relevância dos produtores rurais em um momento crucial para a saúde pública do país.

Silveira pondera que, como o setor está se beneficiando com a recente alta do dólar, há uma possibilidade de a agropecuária chamar a atenção do governo para um possível aumento dos impostos.

“Muita gente vai parar, vai faltar dinheiro e a arrecadação vai cair. Com isso, o governo pode olhar para esse agro e o setor pode ter que arcar com esses custos”, afirma.

Mesmo que haja essa compensação para suprir a queda da arrecadação do país, o agronegócio brasileiro tem se mostrado um setor sólido e um dos pilares que colaboram para sustentar a economia, na medida em que ele converge os esforços de outros setores, como transporte e logística, para garantir o alimento nos lares brasileiros.